visconde-de-maua-rj-3
Rio de Janeiro

Roteiro de 3 dias incríveis em Visconde de Mauá/RJ

por Camila Sales, do Viscondedemaua.blog

Qual destino é melhor? Rio de Janeiro ou Minas Gerais? E se eu dissesse que você pode ter o melhor de cada um deles em uma única região? Pois acredite, essa região é Visconde de Mauá, um lugar, no mínimo, mágico!

Imagine vilarejos próximos, cercados pelas montanhas da Serra da Mantiqueira, rodeados de muito charme, boa gastronomia e cachoeiras incríveis. Isso é Visconde, um lugar que deixa memórias deliciosas, cortado pelo Rio Preto – o rio que faz a divisa entre Minas e Rio.

É por isso que ao visitar a região, você pode atravessar uma ponte e escolher se prefere passar o dia no lado mineiro ou carioca. Qualquer que seja a sua escolha, eu aposto que não decepcionará.

Bora para o Tour em Visconde de Mauá?

Dia 1 – Tour pelos principais pontos

Há três vilas na região: Maringá, Mauá e Maromba. Maringá é o centro mais desenvolvido, é onde recomendo que você se hospede. Lugares mais distantes podem ser até mais bonitos por terem uma natureza mais “selvagem”, mas eu pessoalmente gosto de ficar bem centralizada.

O acesso melhorou muito, mas a região fica realmente numa montanha. Então, quando você sai da rodovia, é uma subida incansável de 40 minutos. Você dificilmente ultrapassará os 30 Km/h

Se o seu carro for baixo ou 1.0, circular pelos vales será um processo cuidadoso e relativamente lento. Por isso, contratar um jeep tour é uma boa alternativa. Assim, você já conhece os principais pontos em um dia.

Se você não tem essa preocupação e prefere apenas curtir o momento no seu ritmo, consegue explorar até mesmo a pé. Saindo de Maringá, uma caminhada de 2 horas mais ou menos já te leva até o Escorrega, o maior cartão postal da região.

As principais atrações são: cachoeira Véu da Noiva, Poção 7 Metros, Santa Clara e Escorrega. Há também um centro de psicultura muito charmoso. É só conferir as fotos 😉

Depois de aproveitar o dia, não faltam opções na Alameda Gastronômica de Maringá, desde os restaurantes mais sofisticados, até os mais simples, porém deliciosos. Meu cantinho preferido é a Cantina D’Corleone. Eles servem massas artesanais e sempre aprovo a música ao vivo de lá.

Dia 2 – Trilha x Curtir o Sítio

No 2º dia você pode se aventurar em uma das diversas trilhas da região. Sempre prefiro as mais bem sinalizadas e com certa infraestrutura. Não me incomodo quando cobram um pouco por isso, pois acabo me sentindo mais segura. Mas também há as trilhas de acesso livre.

As duas trilhas mais famosas são Alcantilado e Pedra Selada. A Pedra Selada fica na Vila de Mauá e exige muito mais disposição.

Já o Alcantilado é bem estruturado e possui um complexo de cachoeiras. Não tem problema se a trilha não for sua praia, os primeiros poços para banho já são deliciosos.

alcantilado
Alcantilado

Quem realmente não curte tanto uma trilha, pode aproveitar a infraestrutura de um hotel fazenda ou sítio da região, dependerá da sua hospedagem. No meu caso, eu escolhi, sem saber, um chalé de um sítio, com uma pequena trilha dentro da pousada, piscina natural, sauna, salão de jogos, piscina, enfim.

Depois de turistar e renovar as energias nas matas da região, o centro de Maringá é repleto de comércio, lojas e artesanatos para quem gosta de souvenires. Se gostar de doces típicos da fazenda, pode aproveitar uma delicatesse rural e fazer compras por ali.

Se não estiver afim de um fondue ou algo assim à noite, também fica a dica para acender a lareira do chalé e assar queijos/marshmallows no próprio quarto. Isso cai bem no inverno. Ah, compre a lenha no centro, chega a ser 3x mais barato.

Dia 3 – Explorar, explorar, explorar

Aproveite seu último dia estique até o Parque Nacional de Itatiaia.

Também existe a opção da cidade de Penedo, parada obrigatória antes de se seguir para a rodovia. Penedo é uma “colônia finlandesa” e, claro, não deixe de visitar a fábrica de chocolate e faça um city tour.

Penedo
Penedo/RJ

Obrigada Camila pela colaboração! Eu não conhecia a cidade de Visconde de Mauá e fiquei com uma tremenda vontade de fazer suas trilhas e cachoeiras 😉

E aí querido viajante gostou da indicação da Camila? Que tal conhecer melhor o Blog Visconde de Mauá?

Fotos: Blog Visconde de Mauá

Foto de capa: Trilhas e Aventuras

Imagem5

Nas redes 💻

Instagram: @ondecevailoko

Facebook: @ondecevailoko

✈ Mochila Brasil: Onde Cê Vai Loko

✈ Superela: Colunista

12 comentários em “Roteiro de 3 dias incríveis em Visconde de Mauá/RJ”

  1. Aaaaamo essa região. Fica pertinho de mim, às vezes da a louca e vou lá, inclusive em Penedo. Ainda não fui no Alcantilado, mas muita gente só elogia. Adoro a Vila de Maringá, dá um paz tão grande, né? Na região tb tem a Serrinha do Alambari, é muito fofa.
    Meu último post foi sobre o Escorrega, depois dá uma olhadinha, e tem links para posts de outros lugares.
    Bjo grande flooor.

    http://cariocadointerior.com.br/index.php/2018/04/16/cachoeira-do-escorrega-maromba-rj/

    Curtir

  2. Tão perto de mim (relativamente), e eu nunca fui em Visconde de Mauá, acredita? Só de ler a palavra trilha, já brilharam meus olhinhos aqui e já comecei a sonhar em desbravar essa natureza linda da cidade. S2
    Vou falar com os Trilheiros, quem sabe iremos descobrir as belezas meio cariocas, meio mineiras? Achei sensacional esse lugar! ❤
    Bjks!

    Curtir

  3. Eu conheço Penedo realmente é uma cidadezinha bem simpática tem bastante atração turística pra quem gosta do clima frio além das cachoeiras e a fábrica de chocolate

    Curtir

    1. Eu já ouvi falar muitooo de Penedo! Mas ainda não tive a oportunidade de conhecer =/
      Espero que na minha próxima viagem para o RJ eu consiga passar por lá 😉

      Curtir

  4. Vim ler esse post porque foi uma das minhas primeiras viagens em solo braziliano. Isso lá em 2002. Amei a região, o ar e a acolha. Participei de trilhas e fiquei em uma pousada (não me lembro o nome) maravilhosa. Escrevi um diário de viagem (desses malucos) com colagem e mil palavras que acabou virando meu primeiro zine e fez bastante sucesso na época.
    Nunca mais voltei, mas amo aquela região. E sempre que sai noticias a respeito, corro para ler. Grata por partilhar essas dicas, irei aproveitar na minha volta a região. Quem sabe faço isso nesse ano ainda.

    bacio, bom domingo e uma excelente semana

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s